História do Brasil - 57 Questões de provas anteriores da ESA com gabarito

1. (ESA) No Brasil Colônia, a atividade econômica que atendia, basicamente, o mercado interno era o (a): 
a) Pecuária 
b) Cacau 
c) Tráfico negreiro
d) Produção de tabaco
e) Manufatura têxtil 

2. (ESA) Dentre as quinze Capitanias Hereditárias fundadas no Brasil a partir de 1530, somente duas progrediram até 1550:
a) Pernambuco e São Vicente
b) Maranhão e Ceará
c) Itamaracá e Porto Seguro
d) Ilhes e Porto seguro
e) São Tomé e Santana 

3. (ESA) A independência brasileira foi um processo liderado, em grande parte, pelos setores sociais que mais se beneficiaram com a ruptura dos laços coloniais. Esses setores eram formados pelo(s):
A) Profissionais liberais e trabalhadores urbanos
B) Grandes proprietários de terra e grandes comerciantes
C) Alto clero e pequenos proprietário de terra
D) Funcionários públicos e alto clero
E) Farroupilhas e baixo clero

4. (ESA) Dentre os fatores que concorreram para o fim da República Velha, temos a:
A) Questão do Acre e o Tratado de Petrópolis.
B) Revolução Constitucionalista de São Paulo.
C) Guerra de Canudos e a Revolta do Contestado.
D) participação do Brasil na Primeira Guerra Mundial.
E) politica sucessória e a crise econômica de 1929.

5. (ESA) Durante o Governo de Juscelino Kubitschek, foram garantidas aos brasileiros as liberdades democráticas. Nesse período, diversas correntes políticas manifestaram suas idéias, sendo, porém , m mantido(s) na ilegalidade:
A) todos os partidos políticos.
B) o Partido Comunista.
C) o Partido Trabalhista Brasileiro.
D) os partidos de oposição.
E) o Partido Democrático Trabalhista.

6. (ESA) De 1964 a 1905, o Brasil foi governado por militares. Dentre os avanços que o período t/ouxe para a sociedade brasileira, podemos afirmar que as grandes conquistas modernizadoras situaram-se, principalmente, nos setores de Infra-estrutura, em particular nas áreas de:
A) serviços, educação e energia.
B) energia, educação e saúde.
C) saúde, comunicações e transportes.
D) comunicações, energia e transportes.
E) educação, transportes e serviços.

7. (ESA) O episódio conhecido como “Capão da Traição” ocorreu na História do Brasil durante a:
A) Rebelião de Beckman.
B) Revolta dos Malês.
C) Guerra dos Mascates.
D) Revolta de Felipe dos Santos.
E) Guerra dos Emboabas.

8. (ESA) O responsável pela transferência da capital do Brasil de Salvador para o Rio de Janeiro em 1763, foi:
A) D. João VI.
B) D.Pedro I.
C) Marquês de Pombal.
D) D. Manuel.
E) Visconde de Barbacena.

9. (ESA) A primeira constituição brasileira (1824) estabelecia, entre outros fatores, a existência de quatro poderes. Aquele que era exercido exclusivamente pelo imperador era o Poder:
A) Legislativo.
B) Judiciário.
C) Executivo.
D) Moderador.
E) Republicano.

10. (ESA) O Plano Real, lançado em 1994 durante o governo de Itamar Franco, teve como uma das ações o(a):
A) congelamento de preços e salários.
B) criação da Unidade Real de Valor.
C) instituição do empréstimo compulsório sobre os combustíveis (álcool e gasolina).
D) bloqueio de parte do saldo das contas corrente e poupanças dos correntistas.
E) nova moeda brasileira passou a ser o Cruzado.

11. (ESA) Ocorreu um movimento armado, liderado por Luís Carlos Prestes, com o intuito de implantar no país uma ditadura do proletariado, durante a Era Vargas (1930-1945). Esse episódio da história é conhecido como a:
A) Revolução Constitucionalista.
B) Intentona Integralista.
C) Revolta da Armada.
D) Revolução Democrática de 64.
E) Intentona Comunista.

12. (ESA) Uma das principais causas da Revolução Farroupilha foram as(os):
A) precárias condições de vida dos ribeirinhos amazônicos.
B) problemas econômicos dos produtores rurais gaúchos.
C) divergências entre senhores de engenho e escravos na Bahia.
D) péssimas condições de saneamento básico no Rio de Janeiro.
E) problemas de relacionamento entre membros do partido liberal paulista e a regência.

13. (ESA) O Tratado de Methuen, assinado em 1703, por portugueses e ingleses,
A) incrementou a industrialização em Portugal e no Brasil.
B) abriu um importante canal para a transferência da riqueza produzida no Brasil para a Inglaterra.
C) criou foro especial para julgar cidadãos britânicos que viviam no Brasil.
D) trouxe vantagens para Portugal nas relações comerciais bilaterais com a Inglaterra.
E) favoreceu o desenvolvimento da indústria luso-brasileira.

14. (ESA) As batalhas dos Guararapes (1648 e 1649) marcaram a vitória da Insurreição Pernambucana, que levou à expulsão do território brasileiro os invasores
A) ingleses
B) franceses
C) holandeses
D) portugueses
E) espanhóis

15. (ESA) No contexto da expansão marítima, que levou os europeus a encontrar a América, Portugal destacou-se como pioneiro das grandes navegações do século XV. Entre os muitos fatores que contribuíram para o pioneirismo português, destacam-se:
A) a associação Estado/Igreja e a centralização do poder.
B) a política mercantilista e a expulsão dos mouros da península Ibérica.
C) a centralização administrativa e a posição geográfica.
D) a ausência de guerras e a ascensão da nobreza fundiária.
E) a industrialização e a centralização do poder.

16. (ESA) Durante o governo de Marechal Deodoro da Fonseca, seu ministro da fazenda, Rui Barbosa, adotou uma série de medidas econômicas que ficou conhecida como “encilhamento”. Essa política econômica estatal estava baseada em duas ações:
A) a abolição da escravatura e a abertura dos portos.
B) a emissão de papel moeda e a expansão do crédito.
C) o incentivo à imigração e o financiamento de casas próprias.
D) a especulação financeira e a criação de empresas fantasmas.
E) um programa de privatizações e a criação de um imposto único.

17. (ESA) Em 1845, a Inglaterra aprovou o Bill Aberdeen. Com relação a esse ato é correto afirmar:
A) concedia à Inglaterra o direito de monopolizar o tráfico negreiro par o Brasil.
B) determinava a substituição da mão-de-obra escrava pela mão-de-obra livre.
C) era declarado legal o aprisionamento de qualquer navio negreiro, bem como o julgamento dos traficantes pela marinha inglesa.
D) elevava violentamente as taxas alfandegárias sobre os produtos brasileiros.
E) visava à eliminação da concorrência que a agricultura escravista brasileira representava.

18. (ESA) A decretação da cobrança da Tarifa Alves Branco(1844) levou o governo Imperial a:
A) falência do Banco do Brasil.
B) um aumento da tributação sobre as importações
C) proibir o tráfico de escravos
D) decretar o fim do Tratado de Methuen.
E) incentivar as importações de produtos.

19. (ESA) O período de maior crescimento vegetativo da população brasileira ocorreu:
A) entre os anos de 1940 e 1970, devido ao rápido declínio das taxas de mortalidade e manutenção, em patamares elevados, das taxas de natalidade.
B) entre 1972 e 1940, devido à entrada de milhares de imigrantes no país.
C) entre os anos de 1960 e 1990, devido às mudanças estruturais ocorridas na economia brasileira.
D) nos primeiros anos do século XX, em decorrência das medidas sanitárias implantadas em todo o território nacional.
E) entre os anos de 1988 e 2008, em decorrência do planejamento familiar sugerido em nossa última Constituição Federal.

20. (ESA) Devido à relativa escassez de chuvas, o domínio em que quase todas as espécies são decíduas e apresentam folhas de tamanho reduzido, e os solos são pouco profundos em virtude do baixo nível de
decomposição química das rochas é o do (a):
A) Caatinga
B) Cerrado
C) Amazônia
D) Araucária
E) Pradaria

21. (ESA) Devido à sua grande extensão _____________, o território brasileiro é abrangido por diferentes fusos horários que conferem ao País horários _____________ em relação à hora de Greenwich.
Assinale a única alternativa que completa de forma correta as lacunas acima.
A) longitudinal – adiantados
B) latitudinal – atrasados
C) geográfica – atrasados
D) longitudinal – atrasados
E) latitudinal – adiantados

22. (ESA) Identifique a Região onde está localizado o Cinturão carbonífero do Brasil.
A) Norte.
B) Sudeste.
C) Sul.
D) Nordeste.
E) Centro-Oeste.

23. (ESA)  Marque a alternativa correspondente ao domínio vegetal que cobria vastas extensões dos Planaltos e Serras da Região Sul e trechos da Região Sudeste do Brasil.
A) Floresta equatorial.
B) Mata de Araucária.
C) Pantanal.
D) Cerrado.
E) Caatinga.

24. (ESA)  Quanto aos trabalhadores do campo, os posseiros são ocupantes de terras
A) devolutas ou propriedades inexploradas.
B) de outros mediante o pagamento de uma renda em dinheiro.
C) de outros mediante o pagamento de uma renda em produto.
D) das quais são proprietários formais.
E) pertencentes ao Governo Federal e que são exploradas mediante contratos com o Ministério da Agricultura.

25. (ESA) No dia 25 de março de 1824, D. Pedro I outorgou a primeira Constituição brasileira, que tinha como características o(a)
A) religião católica e voto universal.
B) Poder Moderador e Senado vitalício.
C) liberdade administrativa às províncias e voto censitário.
D) magistrados nomeados pelo imperador e religião protestante.
E) voto extensivo às mulheres e Poder Moderador.

26. (ESA) A formação das nações latino-americanas esteve atrelada às particularidades de seus processos de
independência. A América Espanhola se fragmentou em diversos Estados autônomos. A América Portuguesa, ao contrário, não se fragmentou, mantendo sua unidade até os dias atuais. Dos fatores abaixo, o único que não contribuiu para a manutenção da integridade territorial brasileira foi a
A) elevação do Brasil à categoria de Reino Unido junto a Portugal e Algarves.
B) incorporação da Província Cisplatina e da Guiana Francesa por D. João VI.
C) ação pacificadora de Caxias no combate a várias revoltas regenciais.
D) transferência da corte portuguesa para o Brasil em 1808.
E) manutenção do regime monárquico após a independência.

27. (ESA) A Segunda Guerra Mundial (1939-1945) teve efeitos favoráveis à política de industrialização no Brasil.
Nesse período, o fato responsável pelo impulso da indústria brasileira foi o(a)
A) desenvolvimento da indústria automobilística e de bens de consumo.
B) empenho efetivo do Estado na implantação da indústria pesada no Brasil.
C) Política dos Governadores, que estimulou a industrialização de São Paulo e Rio de Janeiro.
D) política de emissão de dinheiro – o Encilhamento – para incentivar o consumo interno.
E) Convênio de Taubaté, que favoreceu o comércio de manufaturados de origem brasileira.

28. (ESA) O Tratado de Tordesilhas, celebrado em 1494 entre as Coroas de Portugal e Espanha, pretendeu resolver as disputas por colônias ultramarinas entre esses dois países, estabelecia que
A) os espanhóis ficariam com todas as terras descobertas até a data de assinatura do Tratado, e as terras descobertas depois ficariam com os portugueses.
B) os domínios espanhóis e portugueses seriam separados por um meridiano estabelecido a 370
léguas a oeste das ilhas de Cabo Verde.
C) a Igreja Católica, como patrocinadora do Tratado, arrendaria as terras descobertas pelos portugueses e espanhóis nos quinze anos seguintes.
D) Portugal e Espanha administrariam juntos as terras descobertas, para fazerem frente à ameaça
colonialista da Inglaterra, da Holanda e da França.
E) portugueses e espanhóis seriam tolerantes com os costumes e as religiões dos povos que habitassem as terras descobertas.

29. (ESA) Em 1798, surgiu na Bahia um movimento rebelde conhecido como Conjuração Baiana ou Revolta dos Alfaiates, que contou com a participação das camadas sociais mais humildes. Esse movimento
A) pretendia fundar uma universidade e aproveitar as jazidas de ferro da região.
B) contava, no plano político, com elementos adeptos da monarquia constitucional.
C) defendia o estímulo à produção de couro e charque, principais produtos da Bahia.
D) foi o primeiro movimento de rebeldia no Brasil a questionar o Pacto Colonial.
E) defendia a abolição da escravatura e o aumento da remuneração dos soldados.

30.  (ESA) A elevação do Brasil à categoria de Reino Unido a Portugal e Algarves foi uma medida tomada pelo Regente D. João, com o objetivo
A) de aumentar seu poder pessoal, pois ele passou a dominar um Império que englobava as colônias
espanholas na América.
B) de unificar as Coroas de Portugal e Espanha, que era denominada pelos portugueses de país de
Algarves.
C) de melhorar a defesa do Brasil contra as constantes invasões de franceses e ingleses, que saqueavam as nossas cidades litorâneas.
D) de obter o reconhecimento da dinastia de Bragança por parte do Congresso de Viena, reunido
na Europa e dirigido pelos países que derrotaram Napoleão.
E) de satisfazer a cobiça das elites brasileiras, que, com essa medida, tiveram acesso às minas de prata de Potosí, na Bolívia.

31. (ESA) No século XV, o lucrativo comércio das especiarias - artigos de luxo - era praticamente monopolizado pelas cidades européias de A) Paris e Flandres.
B) Londres e Hamburgo.
C) Gênova e Veneza.
D) Constantinopla e Berlim.
E) Lisboa e Madri.

32. (ESA) No ano de 1817, na Província de Pernambuco, deu-se uma revolta contra o governo de D. João VI que ficou conhecida como
A) Revolução Liberal.
B) Cabanagem.
C) Confederação do Equador.
D) Revolta dos Alfaiates.
E) Revolução Pernambucana.

33. (ESA) A elevação do Brasil à categoria de Reino Unido a Portugal e Algarves, em 1815, está ligada ao(à):
A) desejo de D. João de agradar os ingleses.
B) projeto de implantação do regime monárquico no país.
C) assinatura do Tratado de Fontenebleau com a Espanha.
D) ação das sociedades maçônicas estabelecidas no Rio de Janeiro.
E) necessidade de legitimar a representação de Portugal no Congresso de Viena.

34. (ESA) Em 1906, os governadores de São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro se reuniram e estabeleceram o Convênio de Taubaté, que
A) pode ser considerado o marco inicial da “política dos governadores”.
B) defendeu medidas para incrementar a imigração europeia.
C) resultou na política de ampliação da produção cafeeira.
D) estabeleceu a primeira política de valorização do café.
E) caracteriza a fundação da “política do café com leite”.

35. (ESA) Ao longo dos séculos XVI, XVII e XVIII o Brasil estendeu consideravelmente seu território, o que obrigou o estabelecimento de novos Tratados de Limites entre os Reinos Ibéricos. Neste sentido, podemos afirmar que
A) o Tratado de Madri deu origem às Guerras Guaraníticas.
B) ficou estabelecido, no Tratado de Santo Ildefonso, o princípio de Uti possidetis.
C) Portugal, pelo Tratado de Badajós, assumiu o controle sobre o território da Guiana.
D) o Tratado de Utrecht, de 1713, reconheceu a posse da Colônia de Sacramento por Portugal.
E) o Tratado do Pardo reconheceu o direito exclusivo de Portugal navegar pelo rio Amazonas.

36. (ESA) Sobre a participação brasileira na Segunda Guerra Mundial, pode-se afirmar que
A) limitou-se ao fornecimento de matérias primas estratégicas aos aliados e ao auxílio no patrulhamento do Atlântico Sul.
B) o ingresso no conflito deu-se a partir de uma aproximação diplomática e comercial com as potências aliadas, em especial os EUA, e após o clamor popular decorrente dos repetidos ataques de submarinos alemães a navios mercantes brasileiros.
C) foi limitada ao papel diplomático de mediação entre as potências aliadas e os países do Eixo.
D) não teve nenhuma influência na crise do Estado Novo.
E) a participação da Força Expedicionária Brasileira (FEB) foi decisiva nos combates travados nas ilhas japonesas do Pacífico.

37. (ESA) Em 1831, durante o Período Regencial, em resposta às agitações militares e populares, criou-se pelos moderados o (a)
A) Guarda Nacional.
B) Conselho de Estado.
C) Clube da Maioridade.
D) Regência Una de Feijó.
E) Código do Processo Criminal.

38. (ESA) As expedições portuguesas ao Brasil nas duas primeiras décadas do século XVI objetivaram
A) iniciar o cultivo da cana-de-açúcar e o imediato povoamento.
B) travar contato com os nossos índios e iniciar atividades comerciais com os mesmos
C) transferir para o Brasil os acusados de heresias protestantes na corte portuguesa.
D) reconhecer a terra descoberta e salvaguardar a sua posse.
E) estimular a catequese dos índios a pedido da Companhia de Jesus

39. (ESA) Na história do Brasil, o termo “messianismo” é usado no estudo de alguns movimentos sociais. Assinale a única alternativa que apresenta um desses movimentos e seu respectivo líder.
A) Revolta de Canudos / Antônio Conselheiro.
B) Revolta da Vacina / João Maria.
C) Guerra do Contestado, Euclides da Cunha.
D) Os 18 do Forte de Copacabana / Miguel Lucena.
E) Coluna Prestes / Luís Carlos Prestes.

40. (ESA) O Tratado de Tordesilhas, assinado pelos reis ibéricos com a intervenção papal, representa
A) o marco inicial da colonização portuguesa do Brasil.
B) o fim da rivalidade entre portugueses e espanhóis na América.
C) a tomada de posse do Brasil pelos portugueses.
D) a demarcação dos direitos de exploração colonial dos ibéricos.
E) o declínio do expansionismo espanhol.

41.  (ESA) Assinale a alternativa que NÃO foi um efeito apresentado pelo “Plano Real” durante os governos do presidente Fernando Henrique Cardoso.
A) Diminuição drástica da inflação
B) Instituiu a estabilidade monetária.
C) Aumento das exportações para a China.
D) Aumento das taxas de juros.
E) Redução dos investimentos em infra-estrutura.

42. (ESA) Na Segunda Guerra Mundial, o Brasil participou, ao lado dos aliados, com um contingente de mais de 20.000 homens que formaram a Força Expedicionária Brasileira (FEB). Esse contingente destacou-se nas batalhas
A) de Palmares.
B) da Normandia.
C) dos Guararapes.
D) de Monte Castelo.
E) do Monte das Tabordas.

43. (ESA) Entre os motivos que contribuíram para o pioneirismo português no fenômeno histórico conhecido como “expansão ultramarina”, é correto afirmar que foi (foram) decisivo (a) (s):
A) o comércio de ouro e escravos na costa da África.
B) a precoce centralização política de Portugal e a ausência de guerras.
C) a luta contra os mouros no Marrocos.
D) a aliança política com o reino da Espanha.
E) as reformas pombalinas.

44. (ESA) A respeito das expedições marítimas portuguesas enviadas ao Brasil no período pré-colonizador, foram chamadas de “expedições guarda-costas”, empreendidas entre os anos 1516 a 1520, as missões comandadas por
A) Gaspar de Lemos.
B) Martin Afonso de Souza.
C) Cristóvão Jacques.
D) Gonçalo Coelho.
E) Tomé de Souza

45. (ESA) Entre as causas da Guerra da Tríplice Aliança temos a (o):
A) disputa pela livre navegação na Bacia do Prata.
B) controle sobre as exportações de prata e estanho vindos da Bolívia.
C) interesse da Inglaterra em dominar o mercado de exportação de erva-mate.
D) desejo do presidente Solano Lopez em anexar o Uruguai.
E) apresamento do Navio Marquês de Olinda, que levava o presidente da província de São Paulo.

46. (ESA) A respeito da Inconfidência Mineira, ocorrida no Brasil Colônia em 1789, pode ser afirmado com
correção que
A) a extinção da escravidão no Brasil era defendida pelo movimento inconfidente.
B) entre os projetos dos inconfidentes estava o fechamento dos engenhos e minas.
C) a coroa portuguesa propôs a anistia de todos os revoltosos e o perdão das dívidas em troca da rendição incondicional dos inconfidentes.
D) a rebelião foi desencadeada em um contexto marcado pela diminuição da produção aurífera e o aumento da cobrança de impostos.
E) as lideranças do movimento defendiam a extinção da propriedade privada.

47. (ESA) O Plano Collor e Plano Real, apesar da diferenças de épocas, possuem em comum o fato de
A) estabelecerem metas de construção de usinas hidrelétricas, postos de extração de petróleo, rodovias e outras grandes obras públicas.
B) trazerem excelentes resultados econômicos e sociais, comprovando a boa capacidade brasileira no
planejamento público.
C) serem políticas estatais de intervenção na regulação da moeda nacional.
D) terem estabelecido controle de preços como o Plano Cruzado.
E) terem proposto reformas no Ministério de Educação aplicando a nova Lei de Diretrizes e Bases da
Educação.

48. (ESA) A política externa de D. João VI, quando imperador do Brasil, determinou que se realizassem ações militares em territórios vizinhos ao Brasil. Esses territórios foram a
A) Guiana Francesa e a França Antártica.
B) Guiana Inglesa e a Província Cisplatina.
C) Guiana Francesa e a Província Cisplatina.
D) Guiana Inglesa e a França Antártica.
E) Guiana Francesa e a Guiana Inglesa.

49.  (ESA) Em 1945 chega ao fim o Estado Novo implantado pelo presidente Getúlio Vargas. Entre as causas tivemos a(s)
A) Revolução de 1945 realizada pelos sindicatos e apoiado pelo Partido Trabalhista Brasileiro daquela época.
B) atuação do movimento estudantil, liderado pela UNE, que assumiu o poder apoiando o partido da União Democrática Nacional.
C) pressões norte-americanas obrigando Getúlio Vargas a extinguir o Estado Novo e tornar o país uma democracia.
D) adesão de Getúlio ao Fascismo, propiciando que ele implante no Brasil um regime semelhante após 1945.
E) participação do Brasil na 2ª Guerra Mundial ao lado das democracias, criando uma situação interna contraditória, pois o país vivia, até aquele ano, uma ditadura.

50. (ESA) No tocante as primeiras atividades econômicas desenvolvidas pelos portugueses na colônia do Brasil, entre os anos 1501 a 1530, é correto afirmar que se destacaram como atividade (s) principal (is)
A) a exploração de ouro e pedras preciosas.
B) a escravização do indígena.
C) a extração das chamadas drogas do sertão e criação de gado.
D) a extração e comercialização do pau-brasil.
E) o cultivo de fumo e do café.

51. (ESA) No final do Século XIV, o único Estado centralizado e livre de guerras, o que lhe permitiu ser o pioneiro na expansão ultramarina, era o
A) espanhol.
B) inglês.
C) francês.
D) holandês.
E) português

52. (ESA) Para controlar gastos e investimentos, priorizando saúde, alimentação, transportes e energia, foi criado o Plano Salte, que tem esse nome por ser a sigla composta pelas letras iniciais das prioridades. É correto afirmar que o Plano Salte foi lançado no governo de:
A) Juscelino Kubitschek.
B) Getúlio Vargas, durante o Estado Novo.
C) Dutra.
D) João Goulart.
E) Jânio Quadros.

53. (ESA) No dia 05 de julho de 1922, jovens oficiais resolveram abandonar o forte e marchar pela praia de Copacabana, no Rio de Janeiro, para enfrentar as forças legalistas. Esse episódio, conhecido como “os 18 do Forte”,
A) provocou, imediatamente, a queda do último presidente da República do “Café-com-Leite”.
B) provocou a renúncia do Presidente Artur Bernardes.
C) levou o Governo Federal a transferir a Escola de Formação de Oficiais do Rio de Janeiro para Porto Alegre.
D) deu início a um período ditatorial, interrompido apenas com a Revolução de 1930.
E) originou o movimento denominado de Tenentismo.

54. (ESA) Entre as consequências da atividade mineradora na colônia do Brasil, nos séculos XVII e XVIII, é incorreto afirmar que favoreceram:
A) o enfraquecimento do mercado interno.
B) a integração econômica da colônia.
C) o povoamento da região das minas.
D) a conquista do Brasil central.
E) o desenvolvimento urbano.

55. (ESA) O Alvará de 1º de abril de 1808 revogou o Alvará de 1785 de D. Maria I, que proibia a manufatura na colônia. O Brasil estava autorizado a desenvolver manufaturas. Contudo havia dois fatores que se tornaram um obstáculo ao desenvolvimento da indústria brasileira, os quais eram o/a (os/as)
A) escravidão e concorrência inglesa.
B) interesses dos cafeicultores e pecuaristas.
C) interesses dos mineradores e dos produtores de açúcar.
D) concorrência holandesa e os interesses dos cafeicultores.
E) concorrência dos EUA e interesses dos produtores de café.

56. (ESA) Em resposta ao ataque paraguaio à província de Corrientes, em 1865, foi assinado um tratado que deu origem à Tríplice Aliança. Os países que fizeram parte desta Tríplice Aliança foram:
A) Argentina, Brasil e Chile.
B) Argentina, Brasil e Uruguai.
C) Brasil, Uruguai e Paraguai.
D) Brasil, Argentina e Chile.
E) Paraguai, Chile e Argentina.

57. (ESA) As lutas do período colonial são divididas em Revoltas Nativistas e Revoltas Emancipacionistas. Entre essas últimas podemos incluir a
A) Revolta de Vila Rica.
B) Revolta de Palmares.
C) Revolta dos Alfaiates.
D) Revolta dos Mascates.
E) Revolta de Amador Bueno.

GABARITO


0
1
2
3
4
5
6
7
8
9
0

A
A
B
E
B
D
E
C
D
1
B
E
B
B
C
C
B
C
B
A
2
A
D
C
B
A
B
C
B
B
E
3
D
C
E
E
D
A
B
A
D
A
4
D
C
D
B
C
A
D
C
C
E
5
D
E
C
E
A
A
B
C


23 comentários:

  1. Respostas
    1. Igor Obrigado pelo comentário. Pergunto qual gabarito encontra-se errado?

      Excluir
    2. Mande o gabarito completo deste questionário no meu email ?

      Excluir
    3. O gabarito da questão 26 é letra B.

      Excluir
  2. Não perca mais tempo, faça Simulados e resolva questões de provas anteriores, de 1975 até 2015
    Acesse agora mesmo: projeto-militar.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Não perca mais tempo, faça Simulados e resolva questões de provas anteriores, de 1975 até 2015
    Acesse agora mesmo: projeto-militar.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Eu queria poder imprimir, será que tem como ?

    ResponderExcluir
  5. BOA NOITE,QUESTÃO 26, A OPÇÃO CERTA NÃO É A b E SIM A c.

    ResponderExcluir
  6. Boa noite, sobre a questão 26 a resposta certa é C e não B.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O gabarito da 26 é sim letra B, eu acabei de ver no site oficial da EssA.

      Excluir
  7. alguem por favor reformula esse gabarito e posta aqui.. obgd

    ResponderExcluir
  8. Alguém me explica este gabarito por favor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. na vertical é a dezena e na horizontal a unidade. Ex: vertical 2 e horizontal 3 = 23

      Excluir
  9. n entendi o gabarito de tem 57 questões e só de 1 ao 9???

    ResponderExcluir
  10. Tirando a questão 26, existe outra que possa estar errado no gabarito?

    ResponderExcluir
  11. A questão 25 ta errada é letra C , o imperador nunca iria retirar seu própio poder (moderador)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ué mas esta pedindo as características da constituição de 1824 e ,não a retirada do poder moderador

      Excluir
  12. a questao 2 do gabarito nao e B nao?

    ResponderExcluir