Guerra do Contestado - 20 Exercícios com gabarito

01. (ENEM) A serraria construía ramais ferroviários que adentravam as grandes matas, onde grandes locomotivas com guindastes e correntes gigantescas de mais de 100 metros arrastavam, para as composições de trem, as toras que jaziam abatidas por equipes de trabalhadores que anteriormente passavam pelo local. Quando o guindaste arrastava as grandes toras em direção à composição de trem, os ervais nativos que existiam em meio às matas eram destruídos por este deslocamento. 
MACHADO P. P. Lideranças do Contestado. Campinas: Unicamp. 2004 (adaptado).

No início do século XX, uma série de empreendimentos capitalistas chegou à região do meio-oeste de Santa Catarina – ferrovias, serrarias e projetos de colonização. Os impactos sociais gerados por esse processo estão na origem da chamada Guerra do Contestado. Entre tais impactos, encontrava-se 
a) a absorção dos trabalhadores rurais como trabalhadores da serraria, resultando em um processo de êxodo rural. 
b) o desemprego gerado pela introdução das novas máquinas, que diminuíam a necessidade de mão de obra. 
c) a desorganização da economia tradicional, que sustentava os posseiros e os trabalhadores rurais da região. 
d) a diminuição do poder dos grandes coronéis da região, que passavam disputar o poder político com os novos agentes. 
e) o crescimento dos conflitos entre os operários empregados nesses empreendimentos e os seus proprietários, ligados ao capital internacional.

02. (MACKENZIE) O isolamento social e a omissão ou violência do Estado provocaram, na República Velha, movimentos messiânicos que reagiram, dentre outros fatores, contra a crise econômica e a modernidade. Identifique-os nas alternativas abaixo

a) Revolução Farroupilha e Balaiada 
b) Intentona Comunista e Revolução de 1932 
c) Revolta de Canudos e Contestado 
d) Revolta do Forte de Copacabana e Coluna Prestes 
e) Revolta da Chibata e Vacina

03. (FGV) Sobre a chamada Guerra do Contestado, ocorrida em Santa Catarina e encerrada em 1916, podemos afirmar que: 

a) Foi um movimento anarquista, liderado por imigrantes italianos, influenciados pelas idéias libertárias de Proudhon e Malatesta. 
b) Foi um movimento liderado por integrantes do Partido Comunista do Brasil, que pretendia estabelecer um regime socialista em Santa Catarina. 
c) Foi uma revolta da oligarquia catarinense, que contestava o controle político do Poder Central exercido pela elite paulista durante a República Velha. 
d) Foi um conflito armado entre setores da oligarquia catarinense que disputavam o controle político do Estado. 
e) Foi um movimento milenarista que desafiava o poder republicano e acreditava no estabelecimento de um Reino sagrado na região.

04. (UEL -PR) Em 1912, José Maria, um beato e curandeiro de ervas, liderou um movimento de sertanejos entre os estados do Paraná e Santa Catarina, o Contestado, que persistiu até ser esmagado violentamente em 1916 por tropas governamentais.
Sobre o Contestado, é correto afirmar:

a) Os sertanejos consideravam a República usurpadora e adotavam o ideal comunitário de vida, defendendo um mundo fraterno e a distribuição das terras que o Governo havia concedido a uma companhia ferroviária estrangeira.
b) Os posseiros das terras contestadas combatiam as práticas religiosas tradicionais como o casamento e as procissões.
c) Como na revolta de Canudos, os sertanejos do Contestado desejavam a intervenção do Estado Republicano na saúde e na educação comunitária.
d) O movimento inspirou-se nas revoltas dos camponeses durante a Revolução Francesa e atacou os símbolos da ação governamental, como os cartórios e as câmaras municipais.
e) Os sertanejos receberam o decisivo apoio dos setores intelectuais adeptos da difusão das ideias racistas no Brasil.

05. (UEPB) Durante a República Velha, entre os anos de 1912 e 1916, ocorreu um movimento de caráter messiânico em terras limítrofes do Paraná e Santa Catarina, onde foram expulsos vários posseiros dessa área, cedida pelo governo brasileiro para futuras instalações de uma empresa norte-americana.

Este movimento tornou-se conhecido como:          
a) Canudos
b) Farroupilha
c) Contestado
d) Sabinada
e) Caldeirão

06. (UFRS) Sobre o movimento do Contestado (1912-1916), são feitas as seguintes afirmativas: 

I - ocorreu numa região de disputa territorial entre os Estados de Santa Catarina e Paraná. 
II - apresentou conteúdo religioso aliado a reivindicações sociais. 
III - um de seus principais líderes foi Antônio Conselheiro. 

Quais estão corretas? 
a) Apenas I 
b) Apenas II 
c) Apenas III 
d) Apenas I e II 
e) I, II e III 

07. (ESA) Foram revoltas ocorridas no Brasil durante a República Velha e que tiveram sua origem em movimentos sociais de cunho religioso:

A) Revolta de Canudos e a Guerra do Contestado.
B) Revolta de Canudos e Revolução Federalista.
C) Guerra do Contestado e Revolta da Chibata.
D) Revolução Federalísta e Revosta da Vacina.
E) Revolta da Chibata e Revolta de Canudos.

08. (UDESC) A Guerra do Contestado começou em outubro de 1912, e neste ano completará 100 anos do início do conflito. Este evento trouxe à tona disputas pela terra entre estados da federação, moradores, caboclos e poder local (estadual e federal). 

Assinale a alternativa que contém o nome dos estados envolvidos na Guerra do Contestado. 
a) Rio Grande do Sul e Santa Catarina 
b) Paraná e Santa Catarina 
c) Pernambuco e Alagoas 
d) Bahia e Pará 
e) Rio Grande do Sul e Paraná

09. (UDESC) Assinale a alternativa correta em relação aos conflitos de terra em Santa Catarina. 

a) Durante a Guerra do Contestado, a sede da República Catarinense foi Chapecó, daí a importância histórica desta região no Estado. 
b) A República Juliana foi a ocupação de Lages pelos farroupilhas gaúchos, cujo conflito extravasou do Rio Grande do Sul para Santa Catarina. 
c) A Revolução Federalista ocorreu no Extremo Oeste de Santa Catarina, envolvendo os fanáticos religiosos (os monges João Maria e José Maria) e os proprietários das terras. 
d) A Guerra do Contestado foi uma disputa de terras envolvendo Santa Catarina e Paraná. 
e) A Guerra dos Farrapos, no estado catarinense, teve o nome de Revolta Armada e se associou às disputas de terra entre Rio Grande do Sul e Santa Catarina.

10. (ESCS-DF) “Nós estávamos em Taquaraçu tratando da nossa devoção, não matava nem roubava. O Governo da República toca os filhos brasileiros dos terrenos que pertencem à Nação e vende para o estrangeiro, nós agora estamos dispostos a fazer prevalecer os nossos direitos”. 

(Chico Alonso, setembro de 1914. Apud Alves Filho, Ivan. Brasil, 500 anos em documentos. Rio de Janeiro, Ed.Maud, 1999).

O documento foi escrito por um rebelde do Contestado – um dos mais importantes movimentos sociais da história do sertão brasileiro na Primeira República. Sobre o Contestado, observe as afirmativas a seguir.
I. Teve origem em uma região de litígio territorial entre os estados de Santa Catarina e Paraná.
II. O movimento promoveu a ocupação de terras e lutou contra o apoio do governo republicano às madeireiras e às companhias de colonização.
III. Com base em um discurso messiânico, líderes do movimento estimularam a criação de “vilas santas” que deveriam ser regidas segundo as “leis de Deus”.
IV. A “Guerra do Contestado” chegou ao fim por meio de um acordo entre os governos federais e estaduais e as lideranças do movimento, no qual foram assegurados os direitos de propriedade aos rebeldes.

Assinale a opção correta:
a) apenas I, II e III são corretas.
b) apenas I, II e IV são corretas.
c) apenas I, III e IV são corretas.
d) apenas II, III e IV são corretas.
e) todas as afirmativas são corretas.

11. (UTF-PR) “Movimento social que se iniciou como um fenômeno religioso de exaltação milenar com fortes características messiânicas, mantendo basicamente estas características místicas, com maior ou menor intensidade, até sua liquidação final. Neste aspecto, tal movimento apresentou um certo ineditismo pelo fato de a principal liderança mística – o monge José Maria – ter sido morta no primeiro combate, no faxinal do Irani, em outubro de 1912. Porém a expectativa pela “volta” do monge, além de provocar uma nova reunião de seu grupo inicialmente restrito de seguidores no ano seguinte, acabou por agregar diferentes segmentos sociais, como posseiros e sitiantes expulsos de suas terras, comunidades negras e caboclas do planalto, ervateiros, trabalhadores desempregados pela estrada de ferro, médios fazendeiros, antigas lideranças federalistas e opositores políticos dos coronéis de Curitibanos, Canoinhas, Lages, Rio Negro, Timbó e União da Vitória.”

O trecho acima foi retirado de um importante livro escrito pelo historiador gaúcho Paulo Pinheiro Machado em 2004 sobre a:
a) Revolução Federalista.
b) Revolta de Canudos.
c) Campanha Civilista.
d) Revolta da Vacina.
e) Guerra do Contestado.

12 (ACAFE-SC) A alternativa que apresenta situação não adequada acerca do fenômeno social conhecido por “Guerra do Contestado” (1912-1916) é:

a) Após a “pacificação” do movimento, o Oeste de Santa Catarina foi colonizado por alemães e italianos, oriundos do Rio Grande do Sul.
b) Seu caráter estritamente popular levou o governo republicano a reprimi-lo severamente.
c) A liderança dos monges João e José Maria trouxe um aspecto religioso e messiânico ao movimento.
d) Além dos interesses dos coronéis, duas companhias estrangeiras foram responsáveis pela expulsão e exploração dos posseiros.
e) Foi um movimento identificado com os ideais do Tenentismo e da Coluna Prestes.

13. (TJ-SC) Conflito que alcançou enormes proporções na história do Brasil e, particularmente, nos Estados do Paraná e de Santa Catarina. A região do conflito, localizada entre os dois estados, era disputada pelos governos paranaense e catarinense, área rica em erva-mate e, sobretudo, madeira, onde se misturaram interesses políticos, econômicos e religiosos. Ocorrido entre 1912 e 1916, o conflito envolveu, de um lado, a população cabocla daqueles Estados, e, de outro, os dois governos estaduais, apoiados pelo presidente da República, Hermes da Fonseca. 

O texto acima refere-se a: 
a) Guerra dos Farrapos 
b) Guerra dos Emboabas 
c) Guerra do Contestado 
d) Revolução de 1930 
e) Revolta da Armada

14. (FUVEST) A Guerra do Contestado foi o único movimento que tomou, inequivocamente, um caráter milenarista. Adversários da República [...], os participantes da irmandade rebelde diziam-se monarquistas. Entretanto, a monarquia que aspiravam, mais do que uma instituição política, era percebida como a realização do reino escatológico. D. T. Monteiro, “Um confronto entre Juazeiro, Canudos e Contestado”. In: B. Fausto, História geral da civilização brasileira, 1977.

A chamada Revolta do Contestado, ocorrida entre 1912 e 1916,
a) deu-se em uma área produtora de erva-mate disputada pelos estados de Santa Catarina e Paraná e teve, em José Maria, uma liderança de caráter messiânico.
b) foi um desdobramento da Guerra de Canudos, cujos remanescentes seguiram sob a liderança do beato José Lourenço, reagindo às perseguições contra os ex-seguidores de Antônio Conselheiro.
c) caracterizou-se pela tentativa de instauração de uma monarquia de caráter sagrado em Juazeiro do Norte, sob forte influência do Padre Cícero Romão Batista.
d) apresentou-se como uma continuidade das crenças sebastianistas no nordeste brasileiro, em um contexto de crise da produção canavieira.
e) reuniu irmandades religiosas de Minas Gerais, que contestaram a separação entre Igreja e Estado estabelecida pela Constituição Brasileira de 1891.

15. (UFPR) Sobre o movimento do Contestado, ocorrido de 1912 a 1916, considere as afirmativas abaixo:

1. No início do movimento, o monge José Maria, sua principal liderança, foi morto, mas suas orientações continuaram a exercer influência sobre os participantes.
2. Esse movimento acabou por agregar diferentes segmentos sociais, como posseiros e sitiantes expulsos de suas terras, e comunidades negras e caboclas.
3. O movimento do Contestado tinha características milenares e messiânicas, mas também políticas, de contestação social.
4. Apesar do cunho contestatório, a simpatia para com a República é uma característica continuamente presente no movimento do Contestado.
5. Uma das principais causas do movimento foi o fato de os sertanejos – ou caboclos – terem sido expulsos de suas terras pela estrada de ferro construída na região.

Assinale a alternativa correta.                            
a) Somente as afirmativas 3, 4 e 5 são verdadeiras.
b) Somente as afirmativas 1 e 4 são verdadeiras.
c) Somente as afirmativas 1, 2, 3 e 5 são verdadeiras.
d) Somente as afirmativas 2 e 3 são verdadeiras.
e) Somente as afirmativas 1, 2, 4 e 5 são verdadeiras.

16. (TJ-SC) Durante o período da Primeira República houve um conflito que alcançou enormes proporções na história do Brasil e, particularmente, dos Estados do Paraná e de Santa Catarina. Semelhante a outros graves momentos de crise, interesses político-econômicos e messianismo se misturaram ao contexto explosivo. Ocorrido entre 1912 e 1916, o conflito envolveu, de um lado, a população cabocla daqueles Estados, e, de outro, os dois governos estaduais, apoiados pelo presidente da República, Hermes da Fonseca. O texto acima se refere à: 

a) Revolução Farroupilha. 
b) Revolta Juliana. 
c) Guerra de Canudos. 
d) Guerra do Contestado. 
e) Revolução de 1930.

17. (UEPB) Entre 1912 e 1916, ocorreu uma revolta camponesa num território entre o Paraná e Santa Catarina. A Guerra do Contestado teve um forte cunho social e colocou o sertanejo analfabeto e místico no centro dos acontecimentos. 

Assinale a alternativa INCORRETA.
a) Contrariando a Lei de Terras de 1850, camponeses foram expulsos de suas terras para que a Brazil Railway Company construísse uma estrada de ferro entre São Paulo e o Rio Grande. Isto contribuiu fortemente para as revoltas que se seguiram.
b) A questão no Contestado não foi a insatisfação camponesa e sim a disputa por um território, rico em ervais nativos, entre Santa Catarina e Paraná, que armavam grupos e concediam terras a colonos para garantir a ocupação da área em litígio.
c) O messianismo é forte característica do Contesta. Os sertanejos criam num mundo melhor com a vinda de um salvador. Os “monges” João Maria D´Agostini e João Maria de Jesus pregavam o desprezo aos bens materiais, faziam profecias e criticavam o regime republicano.
d) Derrotados, os sertanejos renderam-se às forças legalistas. Uns foram enviados ao Paraná para fazer roçados ou coletar mate e outros foram presos em campos de concentração ou em colônias agrícolas. Muitos foram assassinados para desencorajar futuros movimentos.
e) Os rebeldes do Contestado adotavam a tática de guerrilha e aproveitavam os acidentes do terreno para armar emboscadas. Eram excelentes esgrimistas e usavam uma rede de “espiões” que traziam informações sobre a movimentação das forças legalistas.

18. (Unemat MT) “O movimento social surgido em 1911 [...]. Nasceu reunindo seguidores de um ‘coronel’ tido como amigo dos pobres e pessoas de diversas origens, atingidas pelas mudanças que vinham ocorrendo na área. Entre elas, trabalhadores rurais expulsos da terra pela construção de uma ferrovia e por uma empresa madeireira e gente que tinha sido recrutada na construção da ferrovia, ficando novamente desempregada no fim de seus contratos. Os rebeldes se agruparam em torno de José Maria, uma figura que morreu nos primeiros choques com a milícia estadual e foi santificada”.
(FAUSTO, Boris. História do Brasil. 8. ed. São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo, 2000.p.296).

Sobre qual movimento social o texto faz referência?
a) Contestado
b) Canudos
c) Revolta da Chibata
d) Juazeiro
e) Cabanagem

19. (IFSC) Em 2012, comemora-se o centenário da Guerra do Contestado, conflito que alcançou enormes proporções na história do Brasil. Neste ano, em municípios que estiveram envolvidos com esse conflito, serão realizados eventos para reflexão e maior conhecimento desse movimento perante a sociedade.

Sobre a Guerra do Contestado, assinale a alternativa CORRETA.
a) O fato que desencadeou a revolta foi a campanha de vacinação obrigatória contra a varíola, imposta pelo governo federal.
b) Também ficou conhecida como Revolução Farroupilha, tendo como uma das causas o descontentamento político com o governo imperial brasileiro.
c) Esse movimento foi liderado por um grupo de poetas, profissionais liberais, mineradores e fazendeiros que tramavam tomar controle de Minas Gerais.
d) Foi um movimento deflagrado por setores da Marinha brasileira contra o presidente da República, supostamente apoiados pela oposição monarquista.
e) Foi um conflito armado entre a população cabocla e os representantes do poder estadual e federal brasileiro, travado entre 1912 a 1916, numa região pretendida pelos Estados do Paraná e Santa Catarina.

20. (IFSC) Uma das maiores e mais sangrentas revoltas camponesas da História da Humanidade aconteceu em Santa Catarina. A Guerra do Contestado mobilizou dois terços do Exército Brasileiro de então, milícias estaduais e forças paramilitares. Foi o grande teste do exército moderno: Pela primeira vez na América Latina, utilizaram-se aviões com fins militares, bombas de fragmentação e aprimoradas técnicas de contra-insurgência.
Disponível em: http://contestadoaguerradesconhecida.blogspot.com.br. Adaptado. Acesso em: 12 set. 2012.

Sobre a Guerra do Contestado, é CORRETO afirmar:
a) A Guerra do Contestado teve certos aspectos em comum com a Revolução Farroupilha, que ocorrera na Bahia alguns anos antes.
b) A principal motivação para o conflito estava, sobretudo, centrada em problemas sociais, decorrentes, principalmente, da falta de regularização da posse de terras e da insatisfação da população em uma área onde não havia presença do poder público.
c) O conflito no oeste catarinense ocorreu entre 1912 e 1916, no mesmo momento em que acontecia a II Guerra Mundial.
d) A Guerra do Contestado demonstrou que, para o governo, os anseios da população mais pobre ficavam acima dos interesses das grandes empresas e proprietários rurais.
e) Na Guerra do Contestado, o grande líder dos sertanejos foi Virgulino Ferreira, vulgarmente conhecido como Lampião.







 ➤ GABARITO 
01
02
03
04
05
06
07
08
09
10
C
CEACDABDA
11
12
13
14
15
16
17181920
E
ECADDEAEB

2 comentários:

  1. (UDESC-SC) Sobre a Guerra do Contestado (1912-1916), assinale a alternativa incorreta.

    a) Iniciou-se como um fenômeno religioso de características messiânicas, mas acabou também por ganhar feições de lutas política e social ao integrar diferentes grupos como posseiros e sitiantes expulsos de suas terras, comunidades negras e caboclas, dentre outros insatisfeitos com suas precárias condições de vida.
    b) A região, historicamente caracterizada por latifúndios improdutivos, secas cíclicas e desemprego crônico, passava por uma grave crise econômica e social. Esta crise fez com que sertanejos, muitos deles ex-escravos, passassem a seguir o monge Antônio Conselheiro que pregava a criação de um mundo novo, regido pelas leis de Deus, onde todos viveriam em paz, com prosperidade justiça e teriam terras para trabalhar.
    c) Ganhou este nome em razão de os conflitos terem ocorrido em uma área de disputa territorial entre os Estados do Parará e Santa Catarina.
    d) A construção da ferrovia na região, realizada pela empresa concessionária Brazil Railway, contribuiu fortemente para a instabilidade social e, assim, para os conflitos que resultaram na Guerra do Contestado.
    e) Os conflitos na região do Contestado podem ser lidos como parte integrante de um movimento social que se apresentou de forma bastante heterogênea. Paralelamente ao discurso religioso da “guerra santa” os sertanejos acabaram demonstrando por discursos e ações que desenvolveram consciência das condições sociais e políticas e de sua marginalização.

    ResponderExcluir